Goiás vai sediar, pela primeira vez, a Semana da Moda Goiana. O evento, lançado hoje pelo governador Ronaldo Caiado, é uma parceria com as entidades empresariais e o setor produtivo para fortalecer os pequenos negócios da moda goiana.

Goiás irá sediar, pela primeira vez, o Amarê Fashion – Semana da Moda Goiana. O anúncio foi feito pelo governador Ronaldo Caiado, no Palácio das Esmeraldas, na manhã desta terça-feira. O objetivo, segundo o secretário de Estado da Retomada da Economia, César Moura, é de fortalecer os pequenos negócios da moda goiana, e apresentar Goiás como importante polo criador de moda no Brasil.

Atualmente Goiás possui um total de 23.977 empresas de confecções nas áreas têxteis, moda íntima e calçados. Sendo 15.521 microempreendedores individuais, 7.621 microempresas, 665 empresas de pequeno porte, 160 grandes e médias empresas e 10 empresas sem fim lucrativos.

Confecções em GOIÁS:
– Total de confecções em Goiás: 23.977 (confecções têxteis, moda íntima e calçados), sendo:
– 15.521 microempreendedores individuais (MEI);
– 7.621 microempresas (ME),
– 665 empresas de pequeno porte (EPP),
– 160 grandes e médias empresas,
– 10 empresas sem fins lucrativos.

Durante o lançamento, o governador Ronaldo Caiado anunciou investimentos no setor produtivo do estado.

A realização do evento é resultado do trabalho em conjunto do Sebrae, Sesc, Fecomércio, Senac e Governo do Estado.

Com uma programação de cerca de 40 horas de atividades, AMARÊ FASHION – Semana da Moda Goiana será realizada no período de 31 de agosto a 3 de setembro, no Centro Cultural Oscar Niemeyer, em Goiânia. O público estimado é de mais de 12 mil pessoas. Os organizadores preparam desfiles, exposições, rodadas de negócios, arte, gastronomia, música e entretenimento para que os participantes possam se atualizar com informações, ampliar suas redes e fazer negócios durante o evento.

De acordo com o presidente da Fecomércio, Marcelo Baiochi, a semana irá movimentar os negócios do setor da moda e a indústria criativa em Goiás.

Para o presidente da Associação dos Empresários da Região da 44, Christyano Câmara, estimular os empresários do segmento a produzirem e recuperarem a economia será de extrema importância.

A estilista afroempreendedora, Naya Violeta, foi a primeira goiana a ter sua marca representada no maior desfile de moda do país, a São Paulo Fashion Week. Ela, que também apresentará uma coleção nova para o desfile na Amarê Fashion.

Uma programação especial vai acontecer nos meses que antecedem a AMARÊ FASHION, com uma agenda de oito encontros em cidades goianas e dez encontros virtuais, para confeccionistas e demais profissionais do setor.

Reportagem: Rackel Vieira
Imagens: Flávio Bonfim
Produção: Ediana Pimenta